Baixe o aplicativo  INTERPRESS MOTOR para seu iPhone / iPad Adicionar aos favoritos Recomende a um amigo Faça deste site sua página inicial
Lançamento
Opinião
Reportagem
Galeria de fotos
Notícias
Blog do Luís Perez
Manutenção
Vídeos
Caminhões e ônibus



Papel de parede
Jogos

Shopping









NOTÍCIAS
17/06/2008 - 17h10 Bookmark and Share
Golf ganha motor 2.0 flex e versão esportiva GT
por ALBERTO POLO JÚNIOR

A Volkswagen começa a vender o Golf 2.0 com motor Total Flex. A tecnologia bicombustível, já presente no 1.6 do hatch desde março de 2006, chega junto com um uma nova versão esportiva, batizada GT e que vai ficar entre o Sportline e o GTI.

Golf GT 2.0 Total Flex - foto Divulgação

Golf GT 2.0 Total Flex - foto Divulgação
Faróis, lanternas, grade e rodas escurecidos no Golf GT

Esse esportivo "intermediário" da gama Golf traz faróis e lanternas traseiras com máscara escurecida, grade do radiador pintada na cor cinza, aerofólio traseiro, adesivo na coluna, soleira inferior pintada na cor preta, logotipo "GT" na tampa do porta-malas e na grade do radiador, faróis de neblina, escapamento com saída dupla cromada e rodas de alumínio polido calçadas em pneus 205/55 R 16

Dentro,o GT oferece bancos dianteiros esportivos com revestimento combinado de couro e tecido, soleiras das portas de alumínio com a inscrição GT, ar-condicionado Climatronic e o Sistema Interativo Volkswagen I-System, computador de bordo, sensor de estacionamento traseiro, entre outras funções.

Os opcionais são o piloto automático, teto solar elétrico e os CD com entradas do tipo SD card e USB, além de um pacote com airbag duplo e freios ABS. Além disso, o Golf 2.0 passa a vir equipada de série com rodas de alumínio de 15 e oferece como opcionais os pacotes Sport e Comfort, este último substituindo a versão Comfortline.

 Golf GT 2.0 Total Flex - foto Divulgação

Golf GT 2.0 Total Flex - foto Divulgação
O interior não muda e o motor 2.0 passa a 120 cv com álcool

Para receber álcool, o motor EA 113 2.0 produzido no México passou por algumas modificações. Novos materiais foram empregados nos pistões, anéis, válvulas, assentos de válvulas, comando de válvulas e coletor de admissão. O virabrequim também é novo. Agora é forjado – o antigo era fundido.

Também mudam a central de injeção (ECU), catalisador, filtro de combustível e a taxa de compressão, que sobe para 11,5:1. Além disso, a engenharia da Volkswagen aumentou as relações da quarta e quinta marchas para a redução de consumo e do nível de ruído produzido pelo motor.

Golf 2.0 Total Flex - foto Divulgação

Golf 2.0 Total Flex - foto Divulgação
No Golf 2.0 há opção de pacotes Sport (amarelo) e Comfort

Com a adoção da injeção bicombustível,o motor EA 113 2.0 Total Flex passa a render 120 cv (cavalos) a 5.250 rpm com álcool e mantém os 116 cv com gasolina. A Volkswagen aumentou o torque, que agora é de 18,4 kgfm com o derivado de cana e 17,7 kgfm com o derivado de petróleo, sempre a 2.250 rpm.

De acordo com a VW, com álcool o Golf 2.0 acelera de 0 a 100 km/h em 9,6 segundos, atinge 203 km/h de velocidade máxima, tem consumo urbano de 7,5 km/l e rodoviário de 11,1 km/l. Com gasolina, respectivamente, os números são de 9,8 s; 200 km/h; 11,2 km/l e 16,7 km/l.


voltar
Carpress | Shopping | Expediente
© 2006-2014 Carpress - Todos os direitos reservados
É proibida a reprodução de conteúdo deste site em qualquer meio
de comunicação, impresso ou eletrônico, sem autorização por escrito
Desenvolvido por AD&R Web