Baixe o aplicativo  INTERPRESS MOTOR para seu iPhone / iPad Adicionar aos favoritos Recomende a um amigo Faça deste site sua página inicial
Lançamento
Opinião
Reportagem
Galeria de fotos
Notícias
Blog do Luís Perez
Manutenção
Vídeos
Caminhões e ônibus



Papel de parede
Jogos

Shopping









LANÇAMENTO
01/02/2013 - 00h00 Bookmark and Share
AVALIAÇÃO
Honda desengessa de leve o Civic na linha 2014
Só versão LXS fica com câmbio manual; agora 2.0, as demais perdem tanquinho
por LUÍS PEREZ, enviado especial a Campinas (SP)
Quando apresentou a nova geração do Civic, em novembro de 2011, com vendas no início do ano passado, a Honda planejava voltar ao topo do segmento dos sedãs médios, desbancando o rival Corolla. Teve êxito em um ou outro mês do ano, mas o placar de 2012 terminou favorável ao modelo da Toyota. Agora, com uma série de modificações tecnológicas e motor mais potente, o modelo volta a atacar.

Embora janeiro nem tenha terminado, o carro chega já como linha 2014, agora com três versões: as novas LXR e EXR, com motor 2.0 16V de 150 cv com gasolina a 155 cv com etanol, e a versão de entrada LXS, que mantém não só o nome, mas o motor 1.8 16V de 139 cv com gasolina a 140 cv com etanol.

Honda Civic - foto Divulgação

Honda Civic - foto Divulgação
Novo Civic 2014 tem três versões: 1.8 LXS e 2.0 LXR e EXR

Essa versão mais em conta, no entanto, não ficou esquecida como às vezes acontece. Ela também ganhou aprimoramentos, a saber: o câmbio manual passa a ter seis velocidades (o automático permanece com cinco), há conexão por Bluetooth (agora em toda a linha, velho clamor dos donos de Civic), a chave passa a ser tipo canivete e a tampa do porta-malas ganha um forro interno.

Nas versões LXR e EXR (o "R" é alusivo à nomenclatura RA20 do novo motor 2.0), o destaque é o novo sistema flex (batizado Flex One, em um logo que aparece num adesivo de gosto duvidoso), que dispensa o subtanque para partida a frio (essa abertura sumiu do para-lama dianteiro direito), que permite ligar o carro mesmo nas baixas temperaturas.

Honda Civic - foto Divulgação

Honda Civic - foto Divulgação

Honda Civic - foto Divulgação

Honda Civic - foto Divulgação
Visual da geração lançada em novembro de 2011 não mudou

"São alterações que têm como objetivo deixar o carro pronto para assumir a liderança do mercado", afirma Alfredo Guedes, engenheiro da Honda. A tecnologia Flex One, que se baseia em uma vela aquecedora comum em motores diesel, por enquanto só equipa o motor 2.0. Desenvolvê-la para outros motores, segundo Guedes, é uma tendência, mas ainda não existe prazo para que isso aconteça.

Confira vídeo de apresentação do Civic 2014



Ou assista na TV UOL: http://tvuol.tv/bgc6XH.

Outro detalhe é que o Civic passa a ter câmbio manual apenas na versão de entrada. Por sinal, um novo câmbio de seis velocidades (o automático segue com cinco velocidades). Os preços das versões ficam assim: R$ 66.690 (1.8, LXS manual), R$ 69.900 (1.8, LXS automática), R$ 74.290 (2.0, LXR automática) e R$ 83.890 (2.0, EXR automática).

Honda Civic - foto Divulgação

Honda Civic - foto Divulgação
No alto, emblema de gosto duvidoso; acima, chave canivete

Da versão LXR para a EXR, as principais mudanças são a câmera de ré no navegador (no LXR é no i-MID), o teto solar (presente na EXR), maçanetas externas cromadas (na LXR é na cor da carroceria), interior das portas em prata, dois tweeters no sistema de som, airbags laterais, controle de tração e estabilidade VSA, sistema de assistência à frenagem de urgência e de assistência à estabilidade da direção elétrica (itens que não estão na LXR). Aliás, a versão LXR ganha farol de neblina.

Desde a versão de entrada o Civic permanece com o botão Econ, que atua em diversos componentes para fazer sua condução ficar mais econômica, além da central inteligente i-MID, que exibe em uma tela de LCD colorida de cinco polegadas diversas informações e opera como interface para customização do veículo, com os comandos no volante.

Honda Civic - foto Divulgação

Honda Civic - foto Divulgação
No alto, painel da versão EXR (com navegador); acima, o da LXR

Carpress avaliou o Civic como condutor e passageiro por aproximadamente 200 quilômetros em estradas da região de Campinas, interior paulista. Por conta disso, não foi possível notar tamanha diferença (mas ela existe) na potência de uma versão para a outra (são 15 cv).

Sua grande diferença mesmo é sentida na cidade, quando se precisa de força (ou melhor, torque) para arrancadas e retomadas de velocidade. O torque passou de 17,7 kgfm a 5.000 rpm para 19,5 kgfm a 4.800 rpm, nos dois casos abastecido com etanol (como aliás foi o teste realizado).

Honda Civic - foto Divulgação

Honda Civic - foto Divulgação

Honda Civic - foto Divulgação
Versão de entrada LXS traz agora forro na tampa e Bluetooth

No fundo o que a Honda fez com as mudanças foi atender a um velho anseio do consumidor de seus veículos, que é desengessar sua oferta. Antes quem quisesse um Civic com Bluetooth precisava comprar a versão top – agora o item é oferecido em todas. E não se podia ter um Civic bem equipado sem teto solar – a versão LXR, mais recheada, torna isso possível.

Não deixava de ser inadmissível um veículo de sua categoria (e de seu preço) não vir com computador de bordo (como na geração anterior) e chave canivete (como mesmo nesta última ainda não havia). Agora sim é possível dizer que o Civic volta ao jogo. Primeiro porque ele mantém uma dirigibilidade das melhores do mercado. Segundo porque a Toyota, marca do rival a ser batido, parece estar mais preocupada com o "caçula" Etios.

leia             mais LEIA TAMBÉM: Avaliamos o Peugeot 208 na França.

leia             mais Testamos com exclusividade o Nissan Altima no Brasil.

leia             mais Novo Renault Clio custa de R$ 23.290 a R$ 24.950.

leia             mais Galeria de veículos e outras cenas do Salão de SP 2012.

leia             mais Galeria das belas que enfeitam os estandes no Salão de SP 2012.

leia             mais Fusion 2013 chega ao Brasil por R$ 112.990.

leia             mais Crédito e alta nas vendas animam setor de motos.

leia             mais Paris escancara diferenças entre Brasil e Europa.

leia             mais Kia revela novo Cerato por inteiro.

leia             mais Daimler mostra em Hanover novidades tecnológicas.

leia             mais VW Touareg ganha versão R-Line por R$ 333.700.

leia             mais Cobalt 1.8 custa de R$ 43.690 a R$ 49.990.

leia             mais Novo EcoSport quer fazer a Ford rir por último.

leia             mais Interpress Motor passa a se chamar Carpress.

leia             mais Nova Ranger chega para incomodar suas rivais.

leia             mais Fiat reestiliza Palio Weekend, Strada e Siena EL.

leia             mais Sonic chega para somar na linha Chevrolet

leia             mais Citroën lança DS3 por R$ 79.900.

leia             mais Lexus traz carros de R$ 218.500 a R$ 615 mil.

leia             mais Cruze Sport6 custa de R$ 64.900 a R$ 79.400.

leia             mais Kia Optima chega a partir de R$ 96.900.

leia             mais Grand Siena custa de R$ 38.710 a R$ 48.210.

leia             mais Corolla XRS quer provar que as aparências enganam.

leia             mais No blog: aparências, nada mais...

leia             mais Chevrolet revoluciona sua picape média S10.

leia             mais Novo Peugeot 308 empolga mais na versão 1.6

leia             mais Range Rover Evoque conversível estará em Genebra

leia             mais Brasileira é nomeada presidente da GM Argentina.

leia             mais EcoSport agora é um modelo global.

leia             mais Ford investe R$ 800 milhões em novo modelo.

leia             mais Novo Civic mantém virtudes e corrige defeitos

leia             mais Fiat corrige rota do Palio no mercado.

leia             mais Chevrolet Cobalt custa de R$ 39.980 a R$ 45.980.

leia             mais Peugeot traz RCZ por R$ 139.900.

leia             mais Chevrolet Cruze parte de R$ 67.900.

leia             mais Fiat Cinquecento mexicano é o menor barato.

leia             mais Bonito, recheado e flex, novo Picanto custa R$ 34.900.

leia             mais Dirigimos o Range Rover Evoque no Reino Unido.

leia             mais Volkswagen revela novo Up em detalhes.

leia             mais Nissan relança Frontier Attack por R$ 93.900.

leia             mais J6 pretende reanimar segmento de minivans.

leia             mais Siga Carpress no Twitter.

leia             mais Maioria se informa sobre carros pela internet.

leia             mais Anuncie em Carpress. Peça aqui sua proposta.

leia             mais Compare preços no Shopping Carpress.

leia             mais Quer receber o boletim CarpressCadastre-se


voltar
Carpress | Shopping | Expediente
© 2006-2014 Carpress - Todos os direitos reservados
É proibida a reprodução de conteúdo deste site em qualquer meio
de comunicação, impresso ou eletrônico, sem autorização por escrito
Desenvolvido por AD&R Web